fbpx
MIGUEL COCCO

Como criar rapport

Ao longo dos meus vídeos tenho falado sobre a importância de criar rapport ou uma relação de confiança com a pessoa ou pessoas que quer conquistar.

Mas o que é exatamente isso do rapport?

O Rapport é um termo da psicologia que se usa para se descrever a relação de confiança e empatia que se cria entre duas pessoas… entre um psicólogo e um paciente… um terapeuta e aquele que faz terapia… mas também se pode aplicar a uma relação de confiança entre um chefe e um subordinado… entre um cliente e um vendedor… ou outra qualquer situação do dia a dia, em que se procura o estabelecimento de uma relação de confiança.

Para criarmos rapport, é importante estar atento à outra pessoa e deixá-la confortável.

Entrar em sintonia… Por exemplo, quando duas amigas passam muito tempo juntas, acontece fazerem exatamente os mesmos gestos ao mesmo tempo.

Nunca reparou? Isso acontece porque desenvolveram uma relação tão forte que até parece que têm telepatia uma com a outra.

De certeza que conhece um ou dois casos desses.

Para criar rapport com alguém, para desenvolver essa relação de confiança, pode inspirar-se nessa ideia de entrar em sintonia.

Usar os mesmos gestos… o mesmo tom de voz da pessoa com quem está a falar…

Usar as mesmas palavras, ter uma postura física semelhante.

É quase como jogar ao jogo do espelho… mas de forma discreta.

Esta técnica que é usada, por exemplo, em situações tensas… como negociações difíceis em empresas.

Ao imitar os gestos e a forma de falar de pessoa que está numa posição diferente da nossa, podemos conseguir uma aproximação, que torna mais fácil a negociação.

Experimente usar esta técnica lá em casa, para praticar.

Miguel Cocco

Miguel Cocco

Sobre

Miguel Cocco

Autor dos best sellers, Mude a sua vida com auto Hipnose e Emagreça com poder da mente.
Miguel Cocco elaborou 2 guias de grande eficiência para a descoberta do nosso potencial interior.

Saiba mais!

Contacto

Telemóvel:
912 226 269

E-mail:
geral@miguelcocco.com

Siga

Acompanhe as minhas redes sociais